Teste de provocação oral: sequência no tratamento da APLV

Favoritar

A alergia ao leite de vaca (APLV) é a alergia alimentar mais frequente em lactentes, tendo prevalência de 2-3% em crianças com idade inferior a um ano, de acordo com o estudo "Frequency of cow’s milk allergy in childhood".

O método utilizado para estabelecer ou excluir o diagnóstico de APLV ou para determinar a aquisição de tolerância ao alimento é o teste de provocação oral (TPO), também conhecido como teste de desencadeamento. Ele consiste na oferta do alimento ao paciente, em doses progressivas, sob supervisão médica, após um período de dieta de exclusão. 

No caso da APLV, a dieta de exclusão consiste na eliminação de leite de vaca e derivados da dieta, além de produtos e preparações contendo esses alimentos. Quando o bebê é amamentado, a dieta deve ser seguida pela mãe. Se, no momento da reinserção do leite e derivados, os sintomas da alergia reaparecerem, o teste de desencadeamento é considerado positivo. 

Segundo o artigo de revisão publicado por Mendonça et. al. na Revista Paulista de Pediatria, os benefícios de um TPO positivo incluem a confirmação do diagnóstico de APLV, a redução do risco de exposição acidental, a diminuição da ansiedade sobre o desconhecido e a validação do esforço do paciente e seus familiares em evitar o alimento.

 

Condutas para tratamento de APLV após desencadeamento positivo:

 

Nos casos em que o teste de desencadeamento mostra resultado positivo, é importante garantir uma nutrição adequada para crescimento e desenvolvimento do lactente, com acompanhamento preciso do ganho de peso e da estatura.

Quando os bebês são alimentados apenas com leite materno, a dieta de exclusão deve ser seguida pela mãe. Para aqueles que usam fórmulas, a recomendação, de acordo com as principais diretrizes sobre o manejo da APLV, é o uso de uma fórmula extensamente hidrolisada do leite como primeira opção e, nos casos mais severos (anafilaxia e esofagite eosinofílica), de uma fórmula de aminoácidos.

Bebês maiores de seis meses e que já estão na fase da introdução alimentar também devem seguir a dieta de restrição. Além da retirada de leite e qualquer derivado, os pais devem ser informados pelo pediatra sobre outros cuidados importantes, tais como:

1. Prevenção de contaminação cruzada: para evitar que haja resquícios de alimentos alergênicos, deve-se:

•    Lavar superfícies de preparo com água e sabão/produtos de limpeza convencionais
•    Separar os utensílios usados no preparo de comida para a criança
•    Preferir papel toalha a panos de prato

2. Alimentação fora de casa:


•    Na escola: avisar todas as pessoas envolvidas com a criança: professores, funcionários, colegas, pais de colegas
•    No restaurante: evitar self-service, padarias e locais que servem refeições pré-prontas, escolher preparações simples, com poucos ingredientes, e fugir de molhos e sobremesas

3. Socorro imediato: Em uma crise, é preciso que família e funcionários da escola saibam:

•    Reconhecer uma reação alérgica
•    Nos casos IgE mediados, ter acesso rápido à adrenalina 
•    Saber quando e como utilizar adrenalina 
•    Administrar adrenalina sem ter de entrar em contato com profissionais de saúde. 

Mesmo com todos os cuidados, não raro ocorre um escape da dieta. Nesse caso, cabe ao pediatra investigar as condições em que se deu o escape, mapear as reações observadas e, claro, reforçar à família a necessidade de manter a dieta de exclusão.

Habitualmente, a APLV é transitória e a maioria das crianças adquire tolerância por volta dos três anos de idade.


Bibliografia 

 

Raquel Bicudo Mendonça1 , Renata Rodrigues Cocco1 , Roseli Oselka S. Sarni2 , Dirceu Solé. Teste de provocação oral aberto na confirmação de alergia ao leite de vaca mediada por IgE: qual seu valor na prática clínica? Revista Paulista de Pediatria. 2011.  

 

Høst A. Frequency of cow’s milk allergy in childhood. Ann Allergy Asthma Immunol 2002. 

 

Yonamine,Glauce Hiromi. Dieta de Exclusão: Principais Cuidados. Instituto da Criança - Hospital das Clínicas - FMUSP. 2015 



Produtos Relacionados

Mais conteúdos como esse

x